terça-feira, 20 de novembro de 2012

Deus Escreve Certo Por Linhas Tortas


Como resposta ao processo discriminatório e xenofobico a que os brasileiros sao submetidos quando viajam para o exterior, principalmente na Europa, temos agora a oportunidade de revidar.

Com a enorme crise econômica que se instalou por lá, o desemprego atingiu patamares inconcebíveis a poucos anos, forcando principalmente os jovens a buscarem oportunidades fora de suas pátrias, o que torna, neste momento, o Brasil extremamente atraente para eles.

Revidar as ofensas seria o nosso direito e a oportunidade seria agora.

Não precisamos de nenhum gringo e, afinal, boa parte de nossa gente já tem suas origens européias.

Por outro lado, se atentarmos para nossa formação religiosa, cujos valores acabaram por pautar um pouco de nossa ética e de nossa moral, podemos começar relembrando a oração do "Pai Nosso que estais no céu" onde pedimos ao criador que "perdoe nossas ofensas assim como nós perdoamos aqueles que nos tem ofendido" podemos ver neste momento a oportunidade de demonstrar ao Pai nosso firme compromisso com as palavras que lhe dirigimos.

Aceitar de braços abertos estes novos imigrantes e, a bem da verdade, de formalizar um convite para que venham ao Brasil, seria repetir a história de nossa nação, que em outras oportunidades recebeu estes povos e ao fazê-lo, ganhou muito com isso.

Curiosamente, a idéia de escrever estas palavras 
no dia da consciência negra, que oficializamos como símbolo contra o racismo e o preconceito, não deixa de ser para mim um sinal da presença do Grande Arquiteto.

Desta vez, temos a oportunidade de praticar, com nossa população mestiça e crioula, os ensinamentos que recebemos dando boas vindas e aceitando em nosso meio os germanos, francos, normandos ou saxoes. 


Receber de braços abertos castelhanos e lusitanos, sejam eles loiros, morenos, brancos, negros ou nórdicos, mostrando-lhes a grandeza de nossa nação.

Como justa paga, esperamos receber pessoas educadas, treinadas e disciplinadas, que desejem construir "vida e futuro" por aqui, ajudando-nos a pular degraus no aprendizado do desenvolvimento tecnológico, a melhorar a qualidade de nossas escolas, a consolidar nossa democracia e a combater essa corrupção endêmica pela pratica de posturas sociais melhor consolidadas no velho mundo.

O ganho de nossa eclética sociedade seria enorme, ganhando todos.


 Nossa industria e nossos produtos em competitividade e qualidade, assim como nossas universidades, em conhecimento, e com elas, as próximas gerações, e por aí afora.

Deus escreve certo por linhas tortas, mas e preciso que saibamos ler o que ele escreveu.

Professor Orosco
Postar um comentário