terça-feira, 20 de junho de 2017

O PROBLEMA DOS REFUGIADOS


Como estou meio de "saco cheio" diante de tantas opiniões e antagonismos provocados pela questão dos refugiados, com a adoção de posições xenófobas tanto de esquerda quanto de direita, para mim a solução se mostra evidente:
Pela ordem, poderíamos eliminar (suicidar) todos os muçulmanos da face da terra;
Na sequência, todos os budistas;
Todos os cristãos;
Todos os que professarem qualquer outra religião;
Também todos aqueles que não reconhecem a supremacia de um Deus criador.
Tudo isso de forma democraticamente organizada, sem distinção de sexo, cor ou idade.
Ao final, sobrariam os animais, peixes e os insetos.
Os únicos que não ligam muito pra essa coisa de especismo, de supremacia territorial, de poder, etc.
Antes disso, precisaríamos também nos assegurar da eliminação das baratas e dos escorpiões que tanto influenciaram a estrutura do nosso DNA.
Ou isso, ou criar vergonha na cara e aceitar que todos temos os mesmos direitos de existir, de sonhar e de sermos felizes, reconhecendo no outro, o seu próprio reflexo de ser humano.

Professor Orosco
Postar um comentário